Destaques Geral Local Política

Centro Social Padre Arrupe comemora 55 anos e retorno de atividades presenciais com idosos

A Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), por meio do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), comemorou, na manhã desta terça-feira, (19), o retorno das atividades presenciais no Centro Social Padre Arrupe. No total, o centro possui cerca de 20 grupos de idosos e atende 445 idosos de 99 bairros de Teresina.

A comemoração foi marcada também pelo aniversário de 55 anos de fundação do Centro Social Padre Arrupe, com realização de missa, apresentação cultural dos grupos de idosos e corte de bolo.

Segundo o secretário da Semcaspi, Allan Cavalcante, é um momento para comemorar e agradecer pelo trabalho realizado pela equipe do Centro Social Padre Arrupe.

“Estamos comemorando os 55 anos desse relevante serviço para a cidade e principalmente, por estarmos reabrindo as atividades presenciais.  O atendimento aos grupos de idosos estava acontecendo de forma remota, devido a pandemia da Covid-19, agora, com nossos públicos vacinados, podemos voltar com mais segurança e ainda seguindo todos os protocolos de segurança”, esclareceu.

(Foto: Ascom/Semcaspi)

Para o Coordenador Geral do Centro Social Padre Arrupe, Patrício Guilherme, o retorno presencial é um momento de muita alegria não só aos idosos assistidos, mas também para toda a equipe da instituição.

“Retornamos e estamos fazendo agora a anamnese tanto da psicologia como da terapia ocupacional e da saúde, para sabermos como cada um desses idosos estão retornando nesse período. Essa celebração é para comemorar o retorno, ainda que alguns idosos e outros em casa, virtualmente, nós vamos manter esse formato o ano todo e talvez até em 2022”, declarou.

O Centro Social Padre Arrupe oferece diversas atividades, sejam elas lúdicas, de canto, artesanais e físicas localizadas. Vilma Carvalho, uma das assistidas da instituição, conta que sentia falta de participar de grupos de dança e artesanato.

(Foto: Ascom/Semcaspi)

“Estou muito satisfeita com a volta do Padre Arrupe! Muito feliz mesmo! Porque, depois de quase dois anos de pandemia, todo mundo tá ansioso para voltar. Porque isso aqui faz parte da vida da gente, pra mim isso é a minha casa, quando chego aqui fico muito feliz. É como se fossemos irmãos. Quando chegamos aqui é como se fosse outro mundo”, relata.

O Centro Social Padre Arrupe foi criado no dia 19 de Outubro de 1966, com o objetivo de atender pessoas em situação de vulnerabilidade, tanto crianças quanto idosos.

CIDADANIA E REENCONTRO

Para o Padre Anselmo, Coordenador do Núcleo Apostólico Piauí, da companhia de Jesus, o Centro Social Padre Arrupe é um espaço que quer resgatar não só a cidadania, mas também quer ajudá-los a se reencontrar.

“Como o Papa vem insistindo, os idosos são uma preferência para a igreja. Porque nessa sociedade do descarte do consumismo, eles são as pessoas mais vulneráveis e abandonadas, não só pelo poder público, mas também pela família. Por tantas situações e problemas que surgem, muitas vezes, eles são aqueles que garantem o sustento da sua família através da aposentadoria”, pontuou.

(Foto: Ascom/Semcaspi)

Jogo do Poder

Fonte: Semcaspi