Destaques Geral Local Política

Prefeitura transforma lixões a céu aberto em jardins e muda a realidade dos bairros de Teresina

A revitalização de locais onde antes acontecia o descarte irregular de lixo é a forma mais eficiente de conscientizar a população do dano que esta ação pode causar. É por isso que a Prefeitura de Teresina tem transformado lixões a céu aberto em belos jardins. A iniciativa, além de embelezar a capital, também proporciona qualidade de vida, bem-estar e desenvolvimento da cidadania.

A atitude de revitalização partiu da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas Sul (SAAD Sul) e tem colhido bons resultados. Bom exemplo é o trabalho feito na rua 11 de Junho, bairro Promorar, como explica Islanilton Gomes, gerente de Serviços Urbanos da SAAD SUL.

“Essa rua era um local de descarte irregular de lixo, um verdadeiro lixão, mesmo tendo um Ponto de Recolhimento de Resíduos (PRR) na mesma via, a menos de 200 metros. Nós, da Prefeitura de Teresina, estamos tomando as providências para acabar de vez com esse tipo de prática, que é tão prejudicial para a população e para o meio ambiente. Percebemos que só limpar não adianta, porque as pessoas voltam a jogar lixo em seguida. Por isso, agora vamos também urbanizar esses locais, fazer jardinagem, torná-los ambientes agradáveis”, explicou.

No local, onde antes era um lixão, agora é a área de um lindo jardim com várias mudas de plantas e palmeiras em jarros de pneus reutilizados. A reutilização de materiais recicláveis também é um ponto positivo da iniciativa da Prefeitura de Teresina.

“Essa iniciativa da SAAD SUL têm mostrado resultados bastante significativos, por isso, vamos adotá-la em todas as zonas da cidade. Dessa forma, todos saem ganhando. A Prefeitura reduz os gastos com o recolhimento do lixo em local proibido, a população ganha espaços bonitos e arborizados, que contribuem para a redução da temperatura, dos insetos, das doenças e do odor, e o meio ambiente ganha espaços de preservação e plantio. Só temos aspectos positivos”, destaca Fabrício Amaral, coordenador de Limpeza Urbana da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (SEMDUH).

A revitalização de espaços assim é mais um trabalho do prefeito Dr. Pessoa para a melhoria da cidade. Ao longo de sua gestão, novas ações ambientais serão adotadas para a melhor qualidade de vida da população.

Edmilson Lustosa, secretário municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação

A costureira Maria Elizabete da Silva, que mora em frente ao mais novo jardim, conta que o problema do lixão já durava cinco anos. As equipes de limpeza da Prefeitura limpavam o local, mas a população insistia em jogar lixo logo depois.

“Esse era um problema bastante grave que a gente convivia há uns cinco anos. No começo do mês de outubro, um carro e uma moto quase caíram no buraco do lixão. Devido a quantidade de lixo, os motoristas não viam que no acostamento tinha uma cratera. Agora melhorou, meu filho de quatro anos está adorando o jardim, pediu até para tirar foto, mas é isso mesmo, nosso jardim está lindo!”, contou.

Além dos moradores da região, empresários que possuem estabelecimentos nas proximidades do jardim também aprovaram a ideia e estão otimistas quanto ao crescimento de seus negócios por causa da bela paisagem na rua 11 de uunho, no Promorar.

Eduardo Nascimento, funcionário de um lava-jato de automóveis vizinho do novo jardim, disse que os clientes constantemente reclamavam da sujeira e mau cheiro do antigo lixão. Com a transformação promovida pela Prefeitura, agora, a empresa espera melhores resultados de vendas e vai ajudar a preservar o local.

“Os clientes reclamavam muito para o meu patrão que o local era muito sujo e muito fedorento. Além de alguns motoristas quase se acidentarem quando subiam a rua pra lavar o carro aqui. Mas agora nós vamos cuidar do jardim, todo dia à tarde a gente e os moradores vizinhos nos revezamos para regar e cuidar do lugar”, disse o funcionário.

O secretário da SEMDUH, Edmilson Ferreira, afirma que essas e outras ações estão sendo tomadas para combater o descarte irregular de lixo pela cidade, como aplicações de multas e monitoramentos de áreas sujas.

“O descarte irregular de lixo é um dos grandes desafios que estamos enfrentando porque tem se tornado um hábito da população, infelizmente. Já realizamos inúmeras ações de conscientização, inclusive de porta em porta em alguns bairros, já aumentamos o número de fiscais para monitoramento e permanecemos com a limpeza diária, com mais de 50 equipes nas ruas. Essa iniciativa da revitalização dos locais onde existem ‘lixões’ se soma a tudo isso e estamos confiantes que essa é a forma mais eficaz de combater o problema”, destacou o secretário.

Jogo do Poder

Fonte: Semcom