Destaques Geral Local Política

Vereador progressista afirma ser da base de apoio a Dr. Pessoa; Ciro Nogueira reage

O vereador de Teresina Valdmir Virgino, do partido Progressista (PP), disse fazer parte da base de apoio ao prefeito Dr. Pessoa (MDB), contrariando orientação da sigla chefiada nacionalmente pelo senador Ciro Nogueira, que quer a legenda na oposição. A posição do vereador mereceu reação do senador, que criticou a justificativa do parlamentar de Teresina de que estaria faltando diálogo entre integrantes do partido a que pertence.

O presidente estadual do Progressistas, deputado Júlio Arcoverde, já declarou que quer o partido na oposição a Dr. Pessoa. Mas o vereador reagiu: “Eu sou da base de Dr. Pessoa. É um compromisso desde do inicio. Não penso em sair”, disse. O vereador afirmou que nunca foi procurado pela direção do partido para conversar.

“O partido não me chamou para conversar. Lamentavelmente, nunca teve uma reunião depois da eleição. A não ser que não saiba como tratam essa questão”, declarou Valdemir Virgino. Outros integrantes do partido também querem seguir o parlamentar para a base de apoio ao prefeito Dr. Pessoa na Câmama Municipal.

Para Ciro Nogueira, o argumento usado por vereadores da sigla de que está faltando diálogo interno para discutir uma possível adesão ao prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, é conversa fiada. O parlamentar reforçou que seu partido é de oposição e quem quiser mudar de lado, que assuma as responsabilidades.

“Os vereadores foram eleitos na oposição. Essa questão de falta de conversa é desculpa. Quem quer aderir, adere e assuma a sua responsabilidade. Foram eleitos na oposição. Isso é desculpa, isso de falta de conversa. A pessoa vai aderir ao governo porque está faltando conversa?”, indagou.

O senador, porém, afirmou que não haverá punição para quem quiser fazer parte da base de apoio a Dr. Pessoa.

Redação Jogo do Poder