Geral Nacionais Política

Randolfe pede suspeição de André Mendonça para julgar ação contra Bolsonaro no STF

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) solicitou nesta sexta-feira (17) ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, que o ministro André Mendonça seja considerado suspeito para analisar o pedido de investigação contra o presidente Jair Bolsonaro (PL) por supostas interferências no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Ele cita que Mendonça mantém “estreita relação” com Bolsonaro. A informação foi divulgada pelo Metrópoles.

Segundo o senador, o vínculo seria suficiente para que o ministro seja considerado parcial para relatar o caso. Mendonça tomou posse como ministro do Supremo nesta quinta-feira (16). Um dia depois, ele foi sorteado para ser o relator de uma notícia-crime contra o presidente apresentada pelo por Randolfe, que pede a investigação sobre demissões de dirigentes do instituo.

No documento, o senador aponta que Mendonça era advogado-geral da União na época da suposta interferência do presidente no Iphan. caso a suspeição não seja reconhecida, Randolfe pede que a ação seja analisada pelo plenário ou pelo próprio presidente da Corte.

Fonte: Gazeta do Povo