Destaques Geral Local Política

Procuradoria-geral do Município acompanha circulação de ônibus em Teresina para detectar descumprimento de ordens de serviços

A Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS) afirma, em nota divulgada na manhã desta segunda-feira (1º de novembro), que a Procuradoria-geral do Município de Teresina tem recebido relatório diário sobre os descumprimentos das ordens de serviço para as providências cabíveis. A Prefeitura está monitorando a circulação de ônibus e constatou que nesta segunda-feira, 1º de novembro, 138 ônibus estão circulando. A Ordem de Serviço do órgão prevê a circulação de uma frota de 140 ônibus nos horários de maior circulação de usuários e 60 em outros horários.

De acordo com a decisão judicial, o horário de pico é aquele compreendido no intervalo entre 6 e 9 da manhã, de segunda a sexta, e das 5 da tarde até as 8 da noite. Aos sábados, o horário foi considerado aquele das 6 às 9 da manhã, e do meio-dia às 3 da tarde.

A STRANS fiscaliza para que seja cumprida a ordem judicial que determina que o SINTETRO (Sindicato dos Trabalhadores Em Empresas de Transportes Rodoviários) não impeça a circulação da frota mínima de 70% nos horários de pico e 30% nos horários entre os picos.

Além disso, a STRANS resolveu manter em circulação os 250 veículos cadastrados a fim de suprir a necessidade dos usuários. O órgão determinou que os consórcios devem colocar em circulação os ônibus que possuem equipamento GPS para melhor controle da frota. O uso do GPS também diz respeito a funcionalidade do aplicativo SIUMobile Teresina. O aplicativo, que está disponível gratuitamente nas plataformas, informa em tempo real a localização dos ônibus, itinerário e tempo de espera.

Jogo do Poder

Fonte: Strans