Geral Municipios Política

José de Freitas recebe doação de 4 mil máscaras

Seplan e Obra Kolping continuam distribuindo máscaras, dando seguimento ao projeto de confecção e doação para populações vulneráveis, gerando renda para os artesões dos Territórios Carnaubais e Entre Rios. Em José de Freitas, na manhã de segunda-feira (10), foram doadas 4 mil máscaras para o Sindicado dos Trabalhadores na Agricultura Familiar (Sintraf), para a Secretaria de Saúde do município e para o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

A ação beneficia 225 costureiras e as máscaras são distribuídas entre as famílias de baixa renda nos municípios dos dois territórios, onde houver maior incidência de casos da Covid-19, uma forma de proteger e de gerar renda entre as famílias carentes enquanto durar a pandemia. Maria de Fátima Gomes Pinto, diretora do CRAS, agradeceu a parceria da Seplan com a Obra Kolping e destacou a importância do projeto. “Estamos recebendo essas máscaras que a muitos ajudarão e que serão doadas aos mais carentes da cidade”, garantiu a diretora.

A secretária de Saúde de José de Freitas, Sara Farias, afirmou que as máscaras serão distribuídas aos pacientes diagnosticados com a Covid-19 no município e que precisam de proteção ao retornarem para casa. “Essas máscaras serão de extrema importância para os pacientes que têm menos condições de adquiri-las, para se protegerem e, também, protegerem as suas famílias”, concluiu.

O projeto já está na terceira etapa, com a confecção de mais 50% do total previsto de 90 mil unidades. O objetivo é que a parceria contribua para a geração de renda aos pequenos artesãos com a doação simultânea. O termo de colaboração entre a Seplan e a Obra Kolping prevê a produção de máscaras por pequenos produtores que foram impactados em suas atividades por causa da pandemia. Eles recebem o material e o recurso para produzir e depois é feita a doação para as associações. A Seplan tem o papel de acompanhar e realizar o monitoramento da execução do projeto. (CCom)

Jogo do Poder