Geral Municipios Política

UBS do bairro Caldeirões é uma das 37 Unidades Básicas de Saúde à disposição da população de Caxias (MA)

As Unidades Básicas de Saúde (UBSs), também conhecidas como postos de saúde, fazem parte da Atenção Primária e são portas de entrada da população aos serviços de saúde. Em Caxias, 37 UBSs localizadas nas zonas urbana e rural, ofertam: consultas e acompanhamento médico e de enfermagem, solicitação de exames e prescrição de medicação, vacinas do calendário básico de vacinação, pequenos procedimentos, entre outros serviços.

Natália Souza, enfermeira da Unidade Básica de Saúde (UBS) do bairro Caldeirões, destacou os principais serviços oferecidos na unidade. “Os nossos serviços são de atendimento médico, consulta de enfermagem, atendimento com dentista. Temos a equipe do Núcleo Ampliado de Saúde da Família (NASF), psicóloga, nutricionista e profissional de educação física. Além disso, oferecemos todas as vacinas do calendário básico de vacinação e temos também a vacina contra a covid-19. Dispomos da sala de procedimento, para casos menos graves e uma equipe de 9 agentes comunitários de saúde trabalham conosco, que cobre o bairro Caldeirões e outros setores. Nosso público alvo é de gestantes, crianças e idosos”, explicou.

“Nós que somos moradores do bairro já temos costume de consultar com os médicos daqui. Já tiveram muitos médicos aqui na UBS e todos nos atendem e nos tratam bem. Não vejo nenhuma objeção contra o atendimento deles”, destacou a moradora, Jeane Santos.

Nas UBSs acontece o acompanhamento dos casos de pacientes com diabetes, hipertensão, tuberculose, hanseníase, entre outras comorbidades. Casos que necessitam de um atendimento mais complexo são encaminhados para as unidades de média e alta complexidade, como a UPA, o Complexo Hospitalar Gentil Filho, o Hospital Municipal Infantil Dr. João Viana, entre outras unidades.

“No nosso atendimento nós conseguimos cumprir a função da Atenção Primária, que é fazer o acompanhamento do paciente, o controle adequado das comorbidades, por exemplo os pacientes que são hipertensos podem fazer o ajuste da medicação, pedido de exames e ter o retorno. Conseguimos fazer um trabalho de qualidade na nossa UBS”, ressalta o médico, Wirlen Bezerra.

Atendimentos psicológicos também são realizados nas Unidades Básicas de Saúde. A psicológa, Brenda Stefani, falou sobre os casos atendidos pela equipe. “Nós atendemos diversas faixas etárias, assim como diversas demandas. Desde criança até a terceira idade, desde casos de ansiedade até transtornos mentais mais severos, como depressão e alguns casos de autismo. Nós temos critérios de diagnóstico aos quais nós fazendo o acompanhamento aqui na UBS, e damos assistência também quando os casos são encaminhados para o setor especializado, mas que continuam sendo nossos pacientes”, contou.

Fonte: PMC