Destaques Geral Local Política

Produtores do Cinturão Verde comemoram parceria com a Nova Ceasa

Quem procura hortifrútis de qualidade orgânicos e semiorgânicos vindos direto da agricultura familiar do Cinturão Verde piauiense deve conferir a Feira da Família Agricultora na Nova Ceasa. No espaço, o consumidor encontra todo os tipos de frutas, verduras, grãos, farinhas e sucos, produtos que vêm direto do campo para a mesa da população.

O projeto Cinturão Verde é uma experiência inovadora de produção de hortaliças, grãos e tuberosas e de criação de galinha caipira. A área de produção é no entorno de Teresina, em onze municípios: União, José de Freitas, Altos, Teresina, Pau D’Arco, Demerval Lobão, Lagoa do Piauí, Monsenhor Gil, Curralinhos, Palmeirais, Nazária.

Antônio Cornélio, presidente da Associação da Rede Cinturão Verde, é feirante há mais de 20 anos e está satisfeito com a parceria com a Nova Ceasa. “É um espaço importante porque isso nos motiva. Um dos nossos grandes gargalos não é produzir e sim comercializar. Com essa oportunidade, nós temos o lugar certo para vir ao encontro dos nossos clientes”, declara.

A feira possibilita que os pequenos agricultores também vendam seus produtos em um espaço adequado e com bastante visibilidade. É o caso de Maria das Graças, que veio de Palmeirais para expor seus produtos. Integrante da Associação de Mulheres Produtoras Rurais do Riacho dos Negros, na zona rural do município, ela comemora a iniciativa. “É um ótimo local com espaço para vender nossos produtos, que antes a gente não tinha e agora tem”, diz.

O projeto contribui para geração de renda para as famílias, incentiva a produção de alimentos orgânicos e muda a qualidade de alimentação das pessoas. “A Nova Ceasa tem um papel importantíssimo na economia e desenvolvimento do estado. Ela agrega todas as atividades dos empreendimentos, prestigiando desde o pequeno produtor até o atacadista, e especialmente o consumidor”, comenta James Andrade, diretor-presidente da central de abastecimento.

O governador Wellington Dias parabenizou o desenvolvimento da central de abastecimento desde que foi firmada a PPP. “Vejo a empolgação do James, um filho da terra, uma pessoa que já era da Ceasa, é de casa e apaixonado. Ele tem preocupação não apenas com os médios e com os grandes, tem também preocupação com o pequeno produtor. Essa integração social não é pouco, tanto que recebeu o prêmio de melhor parceria público privada do mundo pela ONU”, declarou.

Jogo do Poder

Fonte: Ascom Suparc