Destaques Geral Local Política

Partidos chamam a atenção por baixo número de candidaturas na chapa de vereadores

Com o fim do prazo determinado pela Justiça Eleitoral para a realização das convenções para a definição dos nomes que irão disputar os cargos de prefeito, vice-prefeito e vereadores nas eleições de 15 de novembro, os partidos já iniciaram o processo de oficialização dos nomes para a disputa junto à Justiça Eleitoral. Já sendo possível ser consultado quais são as candidaturas e composições majotirárias já homologadas. Em Teresina, alguns partidos têm chamado a atenção pelo baixo número de candidaturas, como é o caso do partido Podemos, partido que homologou apenas um único nome para a disputa proporcional na capital.

Em convenção realizada no último dia 14, o partido, além de oficializar o seu apoio ao candidato à Prefeitura de Teresina pelo PSDB, Kleber Montezuma, também oficializou apenas uma candidatura para o pleito que acontece no dia 15 de novembro.

A legenda é um dos 9 partidos que fazem parte da maior composição majoritária na capital, intitulada “O POVO FAZ ACONTECER”, que reúne legendas como o PSDB, PROGRESSISTAS, PODEMOS, PSL, DEMOCRATAS, PDT, PV, PMB e AVANTE.

Das 32 legendas que submeteram as fichas de registro de candidaturas à Justiça Eleitoral, 4 não lançaram candidatura para a chapa proporcional de vereadores: PCB, PTC, Cidadania e PSTU. As demais 28 siglas que realizaram suas convenções até o último dia 16 de setembro, lançaram entre 1 e 44 nomes para a disputa municipal na capital.

Empatados

Também com apenas um candidato lançado para a disputa proporcional em Teresina, o Partido da Causa Operária (PCO), juntamente com o Partido NOVO ficaram empatados com o o Podemos nesse quesito. Lançando apenas um único nome para a disputa na Câmara Municipal de Vereadores.

Unidade Popular

Com uma chapa pura lançada para disputar à Prefeitura de Teresina o partido Unidade Popular (UP) ficou em segundo colocado na lista de partidos com o menor número nomes na disputa proporcional em Teresina, somando apenas 2 candidatos.

Rede Sustentabilidade

Coligado com o Partido dos Trabalhadores em Teresina, o partido Rede Sustentabilidade também compõe a lista de legendas que lançaram poucos nomes na disputa por uma vaga na Câmara Municipal de Teresina. Conforme documento enviado pelo partido à Justiça Eleitoral, apenas 5 nomes foram lançados para a disputa proporcional na capital.

Pedidos de impugnação

Qualquer candidato, partido, coligação ou o Ministério Público poderá, dentro de cinco dias, contados da publicação do edital referente ao pedido de registro, impugnar o requerimento por meio de petição fundamentada.

O candidato questionado e seu partido ou coligação devem ser citados para, dentro de sete dias, contestarem a impugnação ou se manifestarem sobre a notícia de inelegibilidade. Essa citação refere-se, ainda, à possibilidade de juntada de documentos, à indicação de lista de testemunhas e ao requerimento para a produção de outras provas. A resolução prossegue com os trâmites do pedido de impugnação até o seu julgamento.

Redação