Destaques Geral Local Política

Wellington Dias aprova projeto que atende aos protocolos do Acordo de Paris

O governador Wellington Dias reuniu parte do secretariado estadual nesta segunda-feira, 24, para aprovação do programa Ativos Verdes que tem como objetivo atender as lógicas estabelecidas pelo Acordo de Paris na contribuição da diminuição do aquecimento global. Uma das prioridades da gestão é manter o desenvolvimento do Piauí aliado à preservação dos recursos naturais.

“As reservas naturais que temos de parques federais, estaduais e demais áreas de proteção somam aproximadamente quatro milhões de hectares, além disso o Piauí é uma das áreas fora da região da Amazônia que ainda tem 75% de áreas originais. Tive uma agenda com a Embaixada da França, com a comunidade europeia, também estamos dialogando com o Canadá e Estados Unidos onde nosso objetivo é criar um projeto a partir do Crédito Floresta. Paralelo a isso temos mais dois ativos, o Fundo Imobiliário e o Fundo de Recebíveis do Estado. Nosso foco será unir esses três projetos afim de gerar renda”, comentou o chefe do executivo estadual.

Participaram da reunião o Secretária de Administração, Ariane Sídia; Secretária da SEMAR, Sádia Castro; Presidente do Interpi Chico Lucas, Presidente da Investi PI Victor Almeida; Presidente da Agência de Fomento Luis Carlos Ewerton; Superintendente da SEMAR Moura Fé, Superintendente da SEFAZ Antônio Luís e Consultor Olavo Noleto.

Segundo a secretária Sádia Castro, o Programa Ativos Verdes foi criado por Decreto e algumas ações já foram implantadas junto à Secretaria Estadual de Fazenda (SEFAZ). “A reunião desta segunda-feira foi para definir os passos à frente no programa, como por exemplo o inventário, a certificação e a comercialização dos ativos verdes”, declara.

Jogo do Poder