Geral Municipios Política

Ubiratan Segundo está disparado em 1º lugar na pesquisa para prefeito de Wall Ferraz

O candidato a prefeito pelo PTB no município de Wall Ferraz, Dr. Ubiratan Segundo, está disparado na preferência do eleitorado wall farrazense, conforme pesquisa divulgada nesta quarta-feira, 7, pelo Instituto Jales. O petebista está na frente, com 53,67% na pesquisa estimulada, praticamente o mesmo percentual da pesquisa espontânea, em que aparece com 52,34% das intenções de voto. O candidato, apoiado do governador Wellington Dias (PT) e o ex-senador João Vicente Claudino, presidente estadual do PTB, tem como vice Ismael da Farmácia, do MDB.

Na segunda colocação aparece Guilherme Maia, do PP, com 39,33% na pesquisa estimulada, mesmo percentual da espontânea, quase 15% atrás do Dr. Ubiratan. O candidato Progressista tem o apoio do senador Ciro Nogueira, que é presidente nacional do PP, que, ao que parece, não está conseguindo deslanchar o seu escolhido. Guilherme tem como candidato a vice Edilson Pinheiro, do mesmo partido.

Não opinaram sobre nenhum dos candidatos, 8,33%, na espontânea, e 7%, na pesquisa estimulada.

A pesquisa também mostra que o candidato do PTB ganha do adversário em todas as zonas da cidade, tanto urbana como rural. Na zona urbana, ele aparece na preferência de 49,29% do eleitorado, e 55% na zona rural, contra 41,43% e 37,50%, respectivamente, do candidato adversário.

O estudo ainda destaca o percentual de rejeição de cada um dos candidatos. Ubiratan é o menos rejeitado, com percentual de 28%, enquanto Guilherme Maia aparece com 37%, praticamente o mesmo índice de preferência, de apenas 39,33%.

Atual gestão reprovada

Os pesquisadores também perguntaram aos eleitores sobre a aprovação da gestão do atual do prefeito de Wall Ferraz, Danilo Martins (PSB). De acordo com a pesquisa, quase metade da população, 46,33%, não aprova a atual administração, que tem aprovação de 42,67%. Pelo menos 11% preferiram não opinar.

A pesquisa foi realizada nos dia 1º e 2 de outubro, com 300 eleitores, 140 da zona urbana e 160 da zona rural. O estudo foi registrado TRE-PI sob o nº 04346/2020. O grau de confiança é de 95%, com margem de erro de 5,5% para mais ou para menos.

Redação