Destaques Geral Local Política

SEMEL debate melhorias para a prática de ciclismo em Teresina

O secretário municipal de Esporte e Lazer (SEMEL), Eduardo Draga Alana, reuniu-se esta semana com o vereador Venâncio Cardoso, secretário da secretário municipal de Desenvolvimento Econômico (SEMDEC), Marcelo Eulálio e com o coronel Nixon Frota, coordenador de Segurança Pública Social e Patrimonial, para debater melhorias no ciclismo em Teresina. A reunião teve como pautas a construção da pista de Pumptrack, no estacionamento da Ponte Estaiada, limpeza, sinalização e segurança na pista de Mountain Bike (MTB) na beira do rio Poti e a volta do fechamento da avenida Raul Lopes, aos domingos, para a prática de esportes.

“Estamos aqui visitando, juntamente com os participantes da reunião, o local onde seria construída a pista de Pumptrack, e aproveitamos para vistoriar também a pista de mountain bike. Agora, estamos esperando a conclusão do projeto, que está sendo desenvolvido pelo presidente da Federação de Ciclismo de Piauí, Fernando Correia Lima, para, logo em seguida, encaminhar a solicitação para o prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, para que consigamos, juntos, atender toda a população que anda de patins, patinete, skate, bicicleta, e atender também os cadeirantes, que poderão utilizar das pistas para a prática de esporte”, destacou o secretário da SEMEL, Eduardo Draga Alana.

Para o presidente da Federação de Ciclismo do Piauí, Fernando Correia Lima, “a construção da pista de Pumptrack é uma obra que vai revolucionar todos os esportes de ‘rodinhas’, pois se trata de uma pista poliesportiva. Essa pista, traçando um paralelo, seria como as quadras poliesportivas, só que agora para os esportes de rodas. Todos nós da confederação estamos ansiosos para que o projeto saia do papel e já recebemos vários elogios dos praticantes de cada esporte sobre essa iniciativa”.

Foi discutida também na reunião a volta do fechamento na avenida Raul Lopes, aos domingos, para favorecer a população que utiliza daquele espaço, principalmente aos finais de semana, para a prática de esportes como caminhada, ciclismo e passeio. Segundo o presidente da federação, o fechamento da avenida no dia em que a população mais a utiliza pode dar mais segurança e facilitar o distanciamento social em época de pandemia. A reivindicação abrangeu também uma reforma na pista de mountain bike, na beira do rio Poti, que é uma das pistas mais utilizadas pelos praticantes “essa é a melhor pista que temos para a prática do MTB XCO, mas alguns ciclistas deixaram de utilizar o local pela falta de segurança e iluminação”, reafirmou Fernando Correia Lima.

Jogo do Poder