Destaques Geral Local Política

Referência regional em análises clínicas, Centro de Diagnóstico da PMT conclui instalação de câmara fria

O Centro de Diagnóstico Dr. Raul Bacellar, da Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina, concluiu o projeto de instalação da câmara fria do local. A nova instalação trará muitas vantagens, como, por exemplo, o armazenamento e resfriamento de grande quantidade de insumos e precisão no controle de temperatura dos reagentes.

Para o prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB), esse é um passo importante no avanço da modernização do laboratório, que é referência estadual e regional em análises clínicas. De acordo com o gestor, sua administração também está voltada para o fortalecimento de Teresina como centro de referência em saúde, que inclui atualização em diagnóstico. “O Raul Bacellar é um exemplo de abnegação do corpo funcional do laboratório, primando sempre pela qualidade no atendimento à população e aos profissionais da área de saúde que solicitam seus serviços. E vamos trabalhar para que essa instituição e seus servidores, altamente qualificados, possam sempre contar com a nossa atenção e com equipamentos de última geração”, disse o prefeito.

A diretora-geral do Laboratório Raul Bacellar, Lilibeth Sales, afirmou que a câmara fria otimiza ainda mais esse trabalho, considerando que a maioria dos reagentes utilizados na rotina laboratorial necessita estocagem em temperatura ideal. “O aumento dos casos de Covid-19 gerou um aumento no números de exames laboratoriais e, por consequência, adquirimos mais reagentes de trabalho. A câmara fria será de grande importância para garantir o armazenamento de forma correta dos nossos insumos mantendo a qualidade dos exames”, afirma diretora.

Demanda do Raul Bacellar

O Laboratório Raul Bacellar realiza uma média de 220 mil exames por mês e atende toda a rede SUS em Teresina, o que inclui 90 Unidades Básicas de Saúde (UBS), 10 hospitais, quatro maternidades e as Unidades de Pronto Atendimento (UPA), entre outros. O laboratório trabalha nas especialidades de bioquímica, hematologia, imuno-hormônios, uroanálise, baciloscopia, citologia e parasitologia.

Localizado na Rua Professor Joaquim Gomes s/n, ao lado da Praça Prefeito João Mendes, do bairro Saci, zona Sul, o laboratório funciona em prédio moderno para comportar o novo momento de mudança e modernização, que nos últimos três anos passou por um processo de automatização e informatização do seu processo de trabalho.

Presidente da FMS destaca possíveis adequações

O laboratório é vinculado à Fundação Municipal de Saúde (FMS) de Teresina. O presidente da FMS, médico Gilberto Albuquerque, fez visita ao laboratório para ver de perto a estrutura, corpo de funcionários e, assim, analisar as mudanças que precisam ser implementadas para otimizar os serviços prestados pela saúde pública municipal.

“Temos metas a serem cumpridas e vamos analisar o que cada unidade precisa para que possamos melhorar. No Laboratório Raul Bacelar, faremos algumas adequações. Fomos lá visitar para vermos toda a estrutura física do local, analisarmos a agilidade da entrega de exames e conhecermos a capacidade do laboratório, visto que já temos uma demanda crescente por conta do aumento de casos COVID”, disse Gilberto Albuquerque.

O Raul Bacellar funciona 24 horas (incluindo finais de semana e feriados) atendendo 108 postos de coletas. Dentro dessas listas de postos tem UBS, UPAS e hospitais, realizando uma média de 270.000 exames ao mês.

“Implantaremos o controle de qualidade laboratorial para garantir os melhores resultados possíveis no que diz respeito a diagnóstico, aumentaremos a lista de exames ofertados e otimizaremos os fluxos de trabalho, garantindo mais agilidade e qualidade ao atendimento”, asseverou Lilibeth Sales, sobre suas expectativas para o ano de 2021.

Redação