Destaques Geral Local Política

Rafael Fonteles anuncia antecipação mais uma vez e servidores recebem 2ª parcela do 13º salário

O Governo do Piauí antecipou para esta sexta-feira (15), o pagamento da 2ª parcela do 13º salário que estava previsto para ser feito no dia 18 de outubro. A antecipação do 13º foi anunciada na semana passada.

De acordo com a tabela de pagamento divulgada no início do ano, a 2ª parcela estava prevista para ser paga apenas em 18 de dezembro. A medida injeta pelo menos R$ 200 milhões na economia do Piauí. O pagamento está sendo feito para todos os servidores ativos, inativos e pensionistas do Estado.

“O Governo do Estado antecipou para hoje, dia 15 de outubro, o pagamento da segunda metade do 13º salário que a priori seria paga em dezembro. É uma medida importante, pois ajuda os servidores públicos neste momento desafiador da crise da pandemia da Covid-19, e mostra o compromisso e a responsabilidade do governo com os servidores, e também injeta recursos na economia local como uma medida de recuperação econômica. São recursos que vão ajudar no comércio, o setor de serviços, portanto, pelo segundo ano consecutivo, o Governo do Estado antecipa o pagamento da segunda metade do 13º salário dos servidores públicos ativos, inativos e pensionistas”, afirma o secretário da Fazenda, Rafael Fonteles.

É a segunda vez seguida que o governo antecipa a 2ª parcela do 13º salário. No ano passado, o pagamento ocorreu em agosto, quatro meses antes do previsto. No Piauí, a primeira parcela do 13º salário é paga na data do aniversário do servidor.

Organização financeira

As antecipações que o governo vem fazendo, tanto da tabela de pagamento, como do 13º agora, só estão sendo possíveis graças às medidas administrativas adotadas desde o início do mandato do governador Wellington Dias e a organização financeira do Estado. Em 2021, por exemplo, a tabela salarial dos servidores voltou a ser paga até o 5º dia útil do mês seguinte. Agora são apenas duas faixas salariais: até R$ 2 mil e acima de R$ 2 mil.

Jogo do Poder

Fonte: CCom