Destaques Geral Local Política

Prefeito se reúne com empresa de produção de oxigênio e define a compra de usinas para Teresina

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, se reuniu na manhã desta terça-feira (30) com representantes de empresa de produção de oxigênio. A intenção do gestor é investir cerca de R$ 4 milhões para a construção de duas usinas na capital piauiense e garantir o insumo para pacientes de covid-19 em tratamento.

Usinas de oxigênio são máquinas capazes de produzir a substância e fornecer diretamente para unidades hospitalares. A empresa Saúde e Vida foi a mesma responsável por disponibilizar o sistema para Manaus, no Amazonas.

A reunião aconteceu na residência do prefeito e contou com a presença do presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Gilberto Albuquerque. A empresa deve produzir 100 cilindros por dia de 13 metros cúbicos.
O próximo passo, revela Gilberto Albuquerque, é avaliar as especificações técnicas como o tipo e tamanho mais adequados para os hospitais de Teresina. A expectativa é que duas usinas de oxigênio sejam instaladas na cidade.

“Isso vai assegurar que a gente tenha uma oferta maior de oxigênio, que é uma matéria prima essencial para os pacientes Covid neste momento. Com isso, a gente reduz o risco de desabastecimento”, explica o presidente da FMS.
O prefeito ressalta que, desde o início do agravamento da pandemia na capital, determinou que sua equipe buscasse alternativas no sentido de minimizar os efeitos da crise sanitária nos leitos hospitalares municipais.

“É mais um dos muitos esforços que estamos fazendo no sentido de equipar a nossa rede de saúde para o enfrentamento à pandemia em Teresina. Serão novas usinas que vão nos dar um maior suporte. Já estamos em diálogo avançado no processo de aquisição de vacinas e avançando no calendário de imunização”, disse Dr. Pessoa.

Redação