Geral Municipios Política

Piripiri reativa Conselho Municipal de Juventude

O Conselho Municipal de Juventude de Piripiri foi reativado e a cerimônia de apresentação dos novos conselheiros foi realizada nessa segunda-feira (20). Anteriormente, a composição da entidade era de 16 membros, quatro da sociedade civil e quatro do poder público mais os suplentes. O que mudou é que agora são 20 membros, sendo 10 conselheiros e 10 suplentes, respeitada a paridade entre os da sociedade civil e os do poder público.

O coordenador estadual de Juventude, Vicente Gomes, participou da solenidade. “Piripiri merece, pela sua importância no estado do Piauí, ter um Conselho Municipal de Juventude ativo, ter políticas públicas de juventude ativas. Enquanto Cojuv, meu papel é motivar, é trazer essa mensagem e também nos somarmos ao trabalho para construirmos um Plano Municipal de Juventude em que apontaremos as diretrizes da Juventude para que o jovem possa se desenvolver e ter oportunidades nas diversas esferas da sociedade”, disse.

O presidente do conselho será o atual diretor de Juventude da Secretaria Municipal de Juventude, Cultura, Esporte e Turismo de Piripiri, Francisco Cleucivan Santos do Nascimento. Em entrevista, ele afirmou que o diálogo para a reativação do Conselho começou há cerca de cinco meses e mobilizou órgãos da administração pública municipal e grupos organizados da sociedade civil, como grêmios estudantis e comunidades religiosas. “O Conselho já existia desde 2016, mas estava desativado. Trouxemos esse debate e hoje apresentamos os novos membros da entidade. A posse dos conselheiros será na Casa dos Conselhos e todas as reuniões serão neste prédio”, explicou.

O secretário municipal de Juventude, Cultura, Esporte e Turismo, Marcifran Costa Sousa, assumiu a pasta da Juventude há pouco tempo e afirmou que espera realizar um trabalho conjunto com o Conselho no sentido de buscar a melhoria das condições dos jovens de Piripiri. “Na nossa gestão, queremos dar total suporte aos nossos jovens do município, buscarmos ações, projetos que tenham a juventude como público-alvo”, afirmou.

Jogo do Poder

Fonte: Ascom Cojuv