Geral Municipios Política

Oposição acusa coligação de Mão Santa de tentar calar a boca do povo em Parnaíba

A coligação Parnaíba de Futuro, liderada pelo atual prefeito Mão Santa que concorre à reeleição à Prefeitura de Parnaíba, entrou com ação judicial para proibir a divulgação de programa eleitoral produzido pela coligação Avança Parnaíba com Respeito e Trabalho, de oposição.

O motivo, segundo a oposição, é que na propaganda os moradores da comunidade Pedra do Sal expõem os problemas enfrentados no local, tais como a falta de infraestrutura, poeira nas ruas, falta de médico e medicamento no posto de saúde, escola fechada, bem como a falta de segurança. O processo judicial foi protocolado no dia 27 de outubro.

No documento encaminhado à Justiça, os representantes de Mão Santa alegam que a chapa de oposição praticou propaganda eleitoral irregular que foi veiculada no dia 26/10/2020, nos blocos das 13h e das 20h:30min, na TV Costa Norte.

“De fácil constatação que no programa eleitoral gratuito destinado ao candidato majoritário, DR. HÉLIO, da coligação representada, na data de 26.10.2020, nos dois blocos (tarde e noite), apresentou terceiros na condição de apoiadores fazendo propaganda política em favor do dito candidato, conforme vídeo em anexo”, diz trecho do documento assinado pela defesa da coligação de Mão Santa.

No entanto, os moradores da Pedra do Sal são apoiadores da chapa oposicionista e estavam dando depoimentos contra a gestão de Mão Santa. Os moradores relatam que enfrentam todos os problemas descritos em áudio e imagem.

De acordo com a defesa da coligação Avança Parnaíba com Respeito e Trabalho, a coligação de Mão Santa está tentando calar os moradores da Pedra do Sal, na tentativa de esconder os problemas existentes na região. (PH)

Redação