Geral Local Municipios Política

Novos veículos reforçam ações de segurança na capital e interior

O governador Wellington Dias entregou, nesta terça-feira (24), em solenidade no Palácio de Karnak, 43 novas viaturas às Polícias Militar e Civil para reforçar as ações de segurança e o combate à criminalidade na capital e interior do estado. Os veículos fazem parte de um total de 75 carros adquiridos com recursos oriundos de emenda da bancada federal do Piauí, três senadores e 10 deputados federais, em convênio com o Ministério da Justiça, por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp).

As viaturas são do tipo caminhonete, cabine dupla, a diesel, adaptadas com equipamentos necessários à atividade policial. Dos 43 veículos, 33 serão destinadas à PM e 10 à Polícia Civil. O valor do investimento é de R$ 6,6 milhões. Ao todo, os 75 carros custaram R$ 10,7 milhões, com uma contrapartida de R$ 140,7 mil do Governo do Estado.

O governador Wellington Dias informou que o Piauí tem investido na segurança pública e isso é comprovado pelos números que apontam o estado como um dos mais seguros do Brasil. “Estamos dando assistência aos policiais que estão fazendo as operações lá na ponta, cumprindo seu dever”, afirmou o gestor.

O chefe do Executivo piauiense informou ainda que os novos veículos serão usados, principalmente, no combate ao crime organizado. Segundo ele, o Piauí possui cerca de 450 viaturas. “É importante a renovação constante dos veículos e novos carros vão chegar em breve para beneficiar os municípios que não foram contemplados neste momento”, disse Dias.

Ao todo, na atual gestão do Governo do Estado, foram entregues 113 viaturas, sendo 16 oriundas do Fundo Nacional de Segurança, 75 com recursos de emendas da bancada federal, sendo 22 fruto de emenda do deputado federal Fábio Abreu.

O secretário de Estado da Segurança, Rubens Pereira, agradeceu aos deputados pelas emendas e enfatizou a importância dos novos veículos. “Sabemos da dificuldade que há no interior do estado quando um veículo vai fazer operação sem padronização. Em muitos municípios já era necessária a substituição das viaturas”, afirmou o gestor.

O comandante-geral da PM-PI, coronel Lindomar Castilho, lembrou que os veículos vão ajudar o policiamento na base do policial, que está na ponta no combate à violência. “Mais adiante vamos ter como consequência desses veículos a redução da criminalidade” comentou o militar.

A sub-delegada-geral da Polícia Civil, Adriana Xavier, adiantou que uma das delegacias a receber parte dos veículos será a Polinter, localizada em Teresina.

O deputado federal Merlong Solano lembrou que essa é mais uma parceria entre o Governo do Estado e a bancada federal do Piauí, que juntos trabalham para a melhoria da qualidade de vida da população piauiense.

Redação