Destaques Geral Local Política

Ministério da Saúde avalia positivamente rede de saúde de Teresina para instalação de novos hospitais

É propósito do prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB), a ampliação da oferta de serviços de saúde à população teresinense, como a construção do Hospital da Mulher e do Hospital de Cuidados Prolongados ou Hospital do idoso. Para a instalação desses projetos, a Prefeitura conta com o apoio do governo federal, que nesta semana enviou à capital piauiense uma equipe do Ministério da Saúde para fiscalizar a avaliar a oferta de assistência à população e a necessidade de abertura desses novos serviços. Segundo o presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Gilberto Albuquerque, a avaliação foi positiva.

De acordo com gestor da FMS, a equipe de representantes do Ministério da Saúde pôde conferir de perto as condições da rede atual e dar sugestões sobre o que é preciso adequar, melhorar, acrescentar e substituir, garantindo assim um atendimento adequado e de qualidade aos teresinenses. Durante os quatro dias de visita, que se iniciaram na última quinta (29), eles visitaram todos os hospitais de Teresina, encerrando na terça-feira (04) no complexo UPA (Unidade de Pronto Atendimento), Maternidade e Hospital do Satélite.

Adriana Melo Teixeira – que exerce o cargo de Diretora do Departamento de Atenção Hospitalar, Domiciliar e Urgência do Ministério da Saúde – contou que ficou surpresa com a estrutura dos hospitais de Teresina, bem como a organização destes locais. “Alguns estabelecimentos de saúde têm uma organização muito grande, como a UPA Satélite que é ligada a um hospital e a uma maternidade, e o HUT (Hospital de Urgência de Teresina), que mesmo sendo porta aberta é muito organizado e resolutivo” comentou a diretora.

Gilberto Albuquerque viu na visita uma oportunidade de mostrar para os gestores maiores da saúde as condições da rede atualmente em Teresina e garantir incentivo para os futuros projetos.

“Creio que essa nova gestão tem feito um trabalho muito bom para melhorar cada vez mais a saúde da população de Teresina. Saio daqui me disponibilizando para ajudar no que for possível dentro do que o ministério possa fazer para que a gente possa ajudar a todos para fazer a melhor gestão da saúde na cidade”, finalizou a diretora Adriana Melo.

“Nós tínhamos dois pedidos no Ministério da Saúde feito pelo prefeito de Teresina: apoio para o Hospital da Mulher e para o Hospital do Idoso. A própria diretora de Atenção Hospitalar do Ministério veio avaliar esses projetos e também a nossa rede hospitalar. Ela avaliou e ficou surpresa com a qualidade do serviço, conservação e nível de atendimento das nossas Unidades de Pronto Atendimento. Para nós, foi uma surpresa muito grande o resultado final da avaliação que ela fez”, destacou Gilberto Albuquerque.

“Essa foi uma avaliação que o Ministério mandou fazer, se há viabilidade do projeto e se é de interesse da comunidade. Comprovamos a necessidade e, certamente, teremos o aval do Ministério da Saúde”, concluiu o presidente da FMS de Teresina.

Jogo do Poder