Geral Nacionais Política

Marília Mendonça terá velório aberto ao público em arena de Goiânia, onde vivia

Marília Mendonça, morta na tarde desta sexta-feira (5), aos 26 anos, após a queda de um avião, será velada no Ginásio Valério Luiz de Oliveira, conhecido como Goiânia Arena, na capital goiana.

A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da cantora em nota e também pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado, em suas redes sociais. O velório deve começar às 13h deste sábado (6) e a expectativa é de que passem pelo local cerca de 100 mil pessoas.

“Informamos a todos que desejam prestar as últimas condolências que o velório de Marília Mendonça e Abicieli [Silveira, tio da cantora] será aberto ao público das 13h às 16h, no Goiânia Arena. O sepultamento contará apenas com a presença dos familiares”, diz nota da assessoria.

“Goianos vão poder prestar linda homenagem. Peço calma e respeito à sinalização para que todos possam dar o seu adeus”, escreveu Caiado em sua página no Twitter. Ele ainda decretou três dias de luto no estado, terra natal da cantora.

Os corpos da cantora e de duas das demais vítimas deixaram o Instituto Médico-Legal do Centro Educacional de Caratinga na madrugada deste sábado e foram encaminhados para uma funerária local. De lá, serão encaminhados para os locais de sepultamento. O produtor de Mendonça, Henrique Ribeiro, será velado em Salvador.

Marília Mendonça, conhecida como a rainha da sofrência e uma das maiores vozes da música brasileira contemporânea, e outras quatro pessoas morreram num acidente aéreo na cidade de Piedade de Caratinga, em Minas Gerais, localizada a 309 quilômetros de Belo Horizonte.

A aeronave, que a transportava para a realização de um show, caiu por volta das 16h próximo a uma cachoeira, ao tentar realizar um pouso forçado, de acordo com a Polícia Militar. Ainda não há informações sobre enterro.

Fonte: Folha de São Paulo