Destaques Geral Local Política

Mais estudantes retornam às aulas presenciais a partir de 1º de novembro

Seguindo a portaria GSE Nº 1442/2021, que estabelece aulas 100% presenciais na rede estadual de ensino, retornam ao chão da escola, no próximo dia 1º de novembro, os estudantes 1º, 2º, 3º, 4º, 6º, 7º e 8º anos do Ensino Fundamental e 1ª e 2ª séries do Ensino Médio. Nesta etapa, cerca de 90 mil estudantes voltam às salas de aulas em mais de 600 escolas no Piauí.

O secretário de Educação, Ellen Gera, explica que a Seduc já vinha se preparando para o retorno presencial com o repasse de recursos para que as escolas se adequassem, adquirissem EPIs, fizessem todo o processo necessário para garantir a segurança do ambiente escolar.

“Já retornamos com a 3ª série do Ensino Médio, com o 5º e 9º ano do Fundamental e, agora, completamos o retorno total com a volta das demais séries. O momento é propício para o retorno ao chão da escola, com o controle da pandemia, e o avançado índice de vacinação no estado. A retomada é essencial, precisamos aproveitar esses meses para fazer a recomposição da aprendizagem e finalizar o calendário escolar. Todos os estudantes devem voltar para a escola, essa é a recomendação”, disse o secretário.

 

Com a nova medida, as unidades de ensino da rede estadual estão organizando suas atividades pedagógicas com cinco dias de atividades presenciais para a 3ª série do Ensino Médio e 9º ano do Ensino Fundamental e, para as demais séries do Ensino Médio e Ensino Fundamental, serão quatro dias de aulas presenciais e um com abordagem remota.

Para garantir a segurança e a ampliação do retorno às aulas presenciais, todos os protocolos sanitários, como uso obrigatório de máscara, distanciamento de 1,5 metro entre as pessoas, higienização frequente das mãos e outras medidas exigidas pelos protocolos emitidos pelo Comitê Técnico do Centro de Operações Emergenciais em Saúde Pública (COE) serão mantidos.

A volta presencial às aulas só não será obrigatória aos estudantes que apresentarem um pedido formal que, após análise das escolas, tenha autorização para continuar em atividade remota. “As superintendências de ensino e as gerências regionais irão acompanhar de perto o retorno, principalmente aquelas escolas e estudantes que não conseguirem voltar. Nosso objetivo é garantir o direito à educação, garantir a permanência dos estudantes na escola e garantir aprendizagem de todos os estudantes da rede”, reforçou o secretário.

Desde o início da pandemia, o Governo do Piauí, por meio da Seduc, vem se empenhando para promover o avanço na retomada das atividades presenciais nas escolas de forma segura.

Jogo do Poder

Fonte: Seduc