Geral Municipios Política

Grupo de trabalho é formado para garantir segurança e tranquilidade aos visitantes de espaços públicos de Caxias

A reunião foi no auditório do Mirante da Balaiada para tratar sobre a presença de crianças e adolescentes até altas horas no Complexo Turístico Balaiada, bem como de pessoas que estão interferindo no bom andamento das visitações do espaço público. O objetivo é evitar depredação ao patrimônio público e garantir segurança e tranquilidade para o Complexo Turístico Balaiada, o ponto turístico mais visitado em Caxias. Além disso, outros espaços públicos, a exemplo da Praça Gonçalves Dias, dentre outras estão no foco de atuação do grupo.

“O que nós queremos é oferecer um espaço agradável para a população, visitantes e turistas. Como estão acontecendo alguns eventos com crianças, nós estamos buscando melhorar o atendimento. As crianças e os adolescentes podem vir, mas queremos algo harmonioso. Nós queremos dizer aos caxienses que estamos tomando todas as providências para bem receber os nossos turistas e visitantes”, lembra Célia Mesquita, coordenadora do Mirante da Balaiada.

“A gente tem várias denúncias da população no Mirante, na Praça Gonçalves Dias e nas agências bancárias de pessoas vendendo locais em filas. É uma ação conjunta, integrada, com Conselho Tutelar, Promotoria, Secretarias, Polícia Militar, e nós precisamos que esses órgãos participem dessas operações”, destaca Sargento Mesquita, secretário Municipal de Segurança.

“É importante que todos esses órgãos estejam reunidos, para que a gente possa alinhar e buscar diretrizes para dar uma solução tanto aqui no Mirante, quanto em outros lugares”, frisa Aspirante Sá, da Polícia Militar.

Um grupo de trabalho foi formado para buscar soluções. A partir de agora, o grupo vai atuar de forma organizada em operações conjuntas para verificar as situações que mereçam atenção do poder público, afim de garantir que todos que visitam o Complexo Turístico Balaiada e outros espaços públicos da cidade estejam em segurança. Participam da mobilização: Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social; Secretaria Municipal de Cultura, Esporte, Turismo, Juventude e Patrimônio Histórico; Segurança; Saúde; Polícia Militar; Conselho Tutelar; Promotoria e Juizado da Infância e Juventude.

“A ideia é dar um primeiro passo, para garantir que a sociabilidade aconteça aqui no Memorial, na Praça da UEMA e no Mirante, de forma saudável, tanto para as famílias, quanto para os jovens. Todas as políticas públicas precisam se encontrar nesses espaços”, afirma Kátia Braga, coordenadora Municipal de Juventude.

“Queremos fazer um trabalho de conscientização com eles, com as crianças e com as famílias. Nós acreditamos que tem espaço para todos, mas de forma organizada”, destaca Ana Lúcia Ximenes, secretária municipal de Assistência e Desenvolvimento Social.

Jogo do Poder

Fonte: PMC