Destaques Geral Local Política

Governador Wellington Dias participa de confraternização na Casa do Oleiro

O governador Wellington Dias visitou, nesta quarta-feira (22), a Comunidade Terapêutica Casa do Oleiro, onde participou da confraternização com os acolhidos da instituição, que mantém mais de 300 pessoas em tratamento contra as drogas, com o apoio do Governo do Estado, por meio da Coordenadoria de Enfrentamento às Drogas (Cendrogas).

Na ocasião, o chefe do Executivo estadual ressaltou a importância da política sobre drogas e da formação profissional durante o tratamento. “Muitas pessoas recuperadas já estão trabalhando e empreendendo. Então, é sinal que a política sobre drogas dá resultado. Agora, queremos garantir que a gente dê um novo passo, que é a reinserção social, com o objetivo de garantir as condições de uma formação durante o tratamento para que se tenha a perspectiva de um ofício após o tratamento da dependência química”, declarou.

A Casa do Oleiro existe há 10 anos e conta com três unidades em Teresina: uma casa para acolher adulto masculino, outra para adulto feminino e uma para adolescente masculino. A Casa do Oleiro conta ainda com um local de acolhimento em Luís Correia, no norte do Estado, e em Uruçuí, no sul do Piauí.

O presidente da instituição, pastor José Gouveia, enfatizou a parceria com o Governo. “A presença do Governador na confraternização dos acolhidos mostra a sensibilidade e a visão acolhedora que ele tem em relação aos que mais necessitam. Somos a maior unidade no seguimento evangélico no estado do Piauí. Não temos ainda, infelizmente, um local para acolhimento de adolescente feminino, mas chegaremos lá. O Governo do Estado é nosso principal parceiro e, por meio dessa parceria, alcançamos forças para acolher um número maior de pessoas”, disse.

Assim como a Casa do Oleiro, a Cendrogas atende mais de 30 instituições em todo o estado, além de oito termos de fomento que trabalham a prevenção, realizando ações de enfrentamento, tratamento e reinserção social. “A Casa do Oleiro é uma das instituições de credibilidade, como todas as outras, e uma das pioneiras nesse trabalho de recuperação. Então, para nós, que fazemos parte do Governo do Estado, por meio da Cendrogas, só temos que agradecer por tantas vidas já recuperadas. Temos, em todo o estado um braço do Governo para amparar as pessoas que querem sair do mundo das drogas”, afirmou Cida Santiago, coordenadora da Cendrogas.

Para Thomas Hudson, um dos 100 acolhidos na unidade adulto masculino da Casa do Oleiro, o tratamento está salvando sua vida. “Estou em tratamento a mais de oito meses e está sendo totalmente apegado ao Senhor, porque a casa se trata de uma comunidade evangélica e nossa libertação vem por meio do Senhor. Passamos por muitas dificuldades lá fora e aqui encontramos um refúgio”, relatou.

Fonte: CCom