Geral Municipios Política

Força-tarefa vai combater roubo de animais em Campo Maior, Cabeceiras, José de Freitas e Barras

O deputado estadual Paulo Martins (PT) teve requerimento aprovado  durante a sessão dessa semana, na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), solicitando ao Comando da Policia Militar e à Delegacia-Geral de Polícia Civil,   a criação de uma força-tarefa, envolvendo também a Polícia Ambiental, com o objetivo de combater o roubo de animais, de pequeno e grande porte, nos municípios de Campo Maior, Cabeceiras, Jose de Freitas e Barras.
Para o deputado Paulo Martins, a motivação dos autores dos crimes é o lucrativo comércio clandestino de carne bovina, caprina e suína, prejudicando os pequenos criadores desses municípios.
“Entendo que essa missão precisa contar com o apoio da Vigilância Sanitária dos municípios de Campo Maior, José de Freitas, Cabeceiras e Barras, para fiscalizar açougues clandestinos que podem estar receptando essas carnes roubadas para comercializá-las sem o devido procedimento sanitário”, destacou o deputado durante seu pronunciamento na Alepi.
Paulo Martins lembrou que, além de estarem causando prejuízos aos criadores, o roubo e o abate dos animais  atingem a saúde da população, já que a comercialização clandestina oferece risco à saúde pública. “Recebi relato de criadores informando que até animais doentes foram roubados e abatidos, sendo que a carne oriunda do produto de roubo estava imprópria para o consumo. Então, é preciso evitar que esse tipo de carne seja comercializada e consumida e, para isso, deve-se contar com a colaboração da população para não adquirir carne comercializada de forma clandestina”, alertou o deputado.
(Fonte: Alepi)