Destaques Geral Local Política

Desespero no PSDB – Dr. Pessoa afirma que sofre agressões porque denuncia descaso da prefeitura com os que mais precisam

O candidato tucano Kleber Montezuma, ao sentir que está ficando cada vez mais para trás nas pesquisas de intenção de voto para a prefeitura de Teresina, agora resolveu deixar de lado suas supostas propostas para atacar a honra de Dr. Pessoa, candidato à prefeitura pelo MDB e líder absoluto nas pesquisas. O candidato do PSDB usa as redes sociais para levantar suspeitas sobre o trabalho voluntário do emedebista em ajuda a pessoas que necessitam de atendimento médico. Como profissional da medicina, Dr. Pessoa, através de uma fundação, tem ajudado dezenas de milhares de pessoas que não podem pagar por uma consulta médica e sofrem nas filas de espera intermináveis da rede municipal de saúde de Teresina, por exemplo.

Em carreta realizada nas ruas da zona Sul de Teresina, nessa quinta-feira, 6, Dr. Pessoa fez denúncias contra a gestão tucana e contra o candidato do Palácio da Cidade. Ele disse que Teresina vive o mesmo drama todos os anos, com inundações e alagamentos de comércios e residências. “Há 34 anos esses tiranos não resolveram o problema. É um descaso. O povo clama”.

O candidato tucano também agora resolveu incentivar outros candidatos a atacar de forma grosseira a campanha de Dr. Pessoa. Insinuando, inclusive, que ele estaria com Covid-19, mas participando de reuniões. Isso porque deixou de ir a um debate por problemas de agenda. Mas afirmou que vem evitando participar de algumas reuniões e debate para preservar a sua saúde, já que faz parte do grupo de risco para a doença e já esteve em tratamento contra o novo coronavírus. Modificaram o contexto de suas explicações para atacar o candidato.

Dr. Pessoa afirmou que não vai descer ao mesmo nível do grupo tucano, mesmo porque sua campanha sempre foi republicana, mostrando propostas ao povo e respeitando os adversários, além de construir críticas construtivas contra uma gestão que quer se perpetuar no poder.

Mas não deixou de dar uma resposta contra os ataques. O candidato afirmou que está trabalhando para tirar “essa turma do PSDB da prefeitura”. E no primeiro turno. “É para isso que estamos trabalhando. E cada vez mais o povo chama para que no dia 15 de novembro a eleição se acabe com a vitória de Dr. Pessoa e Robert Rios. Isso no primeiro turno”.

Dr. Pessoa anda acompanhado de Robert Rios (PSB), o único candidato a vice nessas eleições que mostra sintonia com a cabeça da chapa, numa campanha ativa e construtiva.

Sobre os alagamentos, Dr. Pessoa tem repetido que o sistema de drenagem das águas pluviais será prioridade de sua gestão. “Eu e o Robert Rios, meu vice e amigo, teremos isso como prioridade. Não só a zona Leste, como toda Teresina sofre com os alagamentos. Isso é uma vergonha! Nem começou o período chuvoso e tudo se encontra alagado. Essa é uma falta de vergonha administrativa do passado e do presente. A partir do dia 1º de janeiro, quando estivermos na prefeitura, vamos focar [para resolver esse problema] porque o povo pede, Deus quer e vamos fazer.”

Segundo o candidato emedebista, a gestão que se eterniza no poder é inimiga do diálogo, não conversa com o governo do Estado, não conversa com a Assembleia Legislativa, não conversa com a bancada federal do Piauí, em Brasília, não procura os ministérios na tentativa de solucionar eternos problemas crônicos na cidade de Teresina, como a questão do saneamento básico, que inclui galeria e drenagem.

“A gente tem que acabar com isso. Precisamos passar para um outro patamar de administração, porque não dá pra governar de forma isolada, é preciso que haja diálogo, atitudes republicanas, democráticas, suprapartidárias, em respeito ao povo e às suas necessidades”, assinalou o emedebista.

“Se ganharmos essa eleição, Teresina vai se libertar dessa corrente da arrogância, que escraviza as pessoas, que destrói seu sentimento de autoestima. Nós vamos dialogar com todas as esferas de poder, vamos ouvir o povo, sentir as suas necessidades e promover uma gestão moderna e eficiente para alcançar a eficácia na execução das políticas públicas”, disse Dr. Pessoa.

Dr. Pessoa reforçou acusação contra a gestão tucana na Prefeitura de Teresina pelo “descaso” com o saneamento básico. “Os problemas acontecem, principalmente, no período das chuvas. É um descaso, não olham para o povo. Querem administrar dentro de um cubículo [gabinete]. E nós vamos fazer com o chamamento do povo. Vamos resolver os problemas que há 34 anos eles não resolveram”.

Redação