Destaques Geral Local Política

Deputado Coronel Carlos Augusto diz que povo de Teresina irá desmascarar o candidato do prefeito

O presidente Municipal do PL, deputado estadual Coronel Carlos Augusto, retornou na manhã deste domingo (01) à rotina normal de trabalho após testar positivo para coronavírus e passar 16 dias em isolamento. Ele é um dos coordenadores da campanha de Fábio Abreu (PL) para a eleição à prefeitura de Teresina.

Em sua volta às atividades externas, o deputado esteve junto a apoiadores e simpatizantes pelo Mercado do Dirceu Arcoverde. Durante a visita, feirantes e moradores da região foram bastante receptivos com Carlos Augusto e Fábio Abreu.

Para o deputado estadual, a forma com que os teresinenses vêm recebendo Fábio Abreu só confirma o sentimento da mudança que, segundo ele, está estampado em todos os cantos da cidade e que, por outro lado, acaba gerando nas demais candidaturas reações desesperadas.

“É notório o carinho das pessoas. Aqui pelo bairro e pelo mercado do Dirceu, Fábio Abreu conhece cada rua, cada esquina, e essa atitude gera afetividade por parte das pessoas. A aceitação é visível no rosto dos feirantes e dos moradores”, disse Coronel Carlos Augusto.

“Com todo esse carinho e aceitação, nosso Capitão, juntamente com o povo de Teresina, irão desmascarar esse sistema que está desesperado e que, com falsas pesquisas, tentam confundir a população, mas isso já deu. Queremos outra Teresina e não essa do atraso de mais de trinta anos que ninguém aguenta mais”, comentou Carlos Augusto.

Fábio Abreu visitou os boxes internos e as barracas dos feirantes instaladas na parte externa do mercado. Segundo Fábio Abreu, o comércio precisa de mais atenção do poder público, seja com mais incentivo para os vendedores ou na infraestrutura em geral do comércio de toda região.

“A Prefeitura pensa tão pequeno que destinei, como deputado federal, verbas para diversos segmentos nesta área, mas eles se recusaram a aplicar os recursos por achar que iriam me beneficiar. Puro egoísmo, pois quem iria ser beneficiado era o povo desta região que necessita urgentemente de um comércio mais forte, de mais lazer e de mais educação” frisou Fábio Abreu.

Redação