Destaques Geral Local Política

Coordenadoria da Mulher lançará Campanha “16 Dias de Ativismo- Ei Mermã, Nem Mais um Minuto de silêncio”

A Coordenadoria de Estado de Políticas para as Mulheres realizará o lançamento da Campanha 16 Dias de Ativismo- Ei mermã, Nem Mais um Minuto de silêncio , que tem como objetivo o enfrentamento da violência contra a mulher, no dia 16 de Novembro, no Palácio do Karnak, às 11h30. Essa ação inicia no Mundo e Brasil, no dia 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra, e encerra no dia 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos e no Piauí, através da CEPM. As ações acontecem durante o novembro.
Na solenidade de abertura será realizada a assinatura do Termo da Casa da Mulher Brasileira dos municípios de Teresina, Picos e São Raimundo Nonato. É um espaço especializado que disponibiliza atendimento às mulheres em situação de violência.

A casa prevê a construção de uma estrutura do modelo tipo II e custará em média de R$ 5,9 milhões. O objetivo é melhorar o atendimento às mulheres vítimas de violência doméstica ao tempo que busca garantir as condições essenciais para que a mulher denuncie a agressão sofrida assistida pela Rede de Enfrentamento à violência doméstica. Atualmente está em funcionamento em Curitiba, São Paulo, Campo Grande, Fortaleza, São Luís e Boa Vista.
Durante o mês de novembro será realizada blitz informativa sobre o enfrentamento à violência doméstica, ações do ônibus lilás no bairro Santa Maria da Codipe e os municípios de

Amarante, Regeneração, Angical e Água Branca, webinários, roda de conversas e ações junto com os movimento sociais.

A coordenadora de Estado de Políticas para as Mulheres, Zenaide Lustosa, destaca que a CEPM busca com a campanha ’16 Dias de Ativismo- Ei mermã, Nem mais um minuto de Silêncio’, sensibilizar a sociedade a fazer o enfrentamento da violência contra as mulheres. Lembrando que é uma campanha que ocorre anualmente em mais de 160 países, desde 1991, ao tempo que incentiva a sociedade a fazer denúncia contra a violência doméstica não somente com as pessoas que sofrem a violência, mas em caso de conhecer alguém próximo ou ser alguém da família. “É importante que a denúncia seja feita para que possa ser feito o acolhimento das mulheres. Não se cale! Denuncie qualquer situação de violência contra a mulher “.

PROGRAMAÇÃO

16/11 – Abertura: 16 DIAS DE ATIVISMO
– Ei mermã, nem mais um minuto de silêncio!
– Assinatura do Termo da Casa da Mulher Brasileira
(Teresina, Picos e São Raimundo Nonato)
– Local: Palácio de Karnak

19/11 – Dia Nacional da Consciência Negra
– Bate-papo: A mulher negra piauiense.
– Local: Memorial Esperança Garcia
– Horário: 17h

23/11 – Webnário: Mulheres Rurais e o enfrentamento a violência

25/11 – DIA INTERNACIONAL PELA ELIMINAÇÃO DA VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER
– BLITZ na Sede da Companhia Metropolitana de Transporte Público
– Horário: 7h30

29/11 – Atividade do Ônibus Lilás na Santa Maria da Codipe
– Atendimentos
– Palestras sobre violência

06/12 – Roda de conversa
– Campanha LAÇO BRANCO: homens pelo fim da violência contra as mulheres
– Local: ACADEPOL

13/12 – Inauguração da nova sede da CEPM e Entrega do Sele do Programa de Pro Equidade de Gênero, Raça e Diversidade
– Assinatura do Termo de Cooperação do VAMO
– Local: Avenida Petrônio Portela, nº 1900, Aeroporto, Teresina PI.

Jogo do Poder

Fonte: CCom